segunda-feira, 21 de março de 2011

Indignação...

Nós mulheres, pelo menos umas vez ao mês temos momentos de profundos pensamentos, de intensidades de emoções, de viagens ao fundo do fundo da alma. Normalmente é no meu período fértil que tenho esse tipo de "despertar".
E, no entanto, os homens - exceto os poetas - nos acham cansativas nessa época. rsrs

Enfim, achem o que quiserem, se identifiquem ou não, eu gosto e me sinto privilegiada por momentos como esses.

Hoje fui obrigada a pensar sobre o que leva uma pessoa a se indignar com uma situação e outra não. Acho que a diferença está na esperança. Aquele que não mais crê na mudança, aquele que acha que não há solução, esse não se indigna. Somente briga quem tem esperança de que brigando consiga mudar as coisas, somente tem esperança quem tem uma luz no coração, uma luz de inocência, uma luz que ainda crê.

Quero pessoas indignadas sempre ao meu lado para que não me deixem perder a fé, a fé nas pessoas e no bem...

Nenhum comentário: